Primeiro argumento sobre a existência de Deus

 

L_O_pensador

O infinito – em toda a sua extensão – evidencia a unicidade de Deus. No infinito Deus não coexiste com outro deus. Se existissem deuses no infinito, nenhum deles poderia ser pleno em sua existência e extensão. As limitações seriam inerentes às naturezas dos deuses presumidamente existentes. Se existissem deuses coexistindo, os tais limitariam uns aos outros nos espaços e ações. Deus tem infinita unidade interior, o que faz da sua natureza, atividade, mobilidade e interatividade não sofrerem repartições ou obstruções por outros deuses. Deus tem infinita unidade interior, isto é: não existe outro deus fora de sua existência. Deus é infinito, logo Deus é único.

 

Autor do texto: JUDSON SANTOS

ATENÇÃO!

Todos os direitos autorais reservados. Nenhuma parte das publicações neste site não pode ser reproduzida, armazenada ou transmitida de qualquer forma e por quaisquer meios sem a autorização prévia do autor.

Compartilhe!

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *